Este site tem certas restrições de navegação. Recomendamos o uso de navegadores web como: Edge, Chrome, Safari ou Firefox.

Aproveite para cuidar de você!

Carrinho de Compras

O seu carrinho está vazio

Continuar as Compras

Você sabe o que é Fator de Correção e como ele implica na eficácia do seu medicamento?

O fator de correção (FCr) é um ajuste que se faz para que cada medicamento contenha a dose exata da substância prescrita pelo médico, mas é preciso saber que nem sempre há a necessidade de correção, devendo o farmacêutico analisar caso a caso.

A aplicação do fator de correção em fármacos é responsável por garantir a eficácia e a qualidade dos produtos. Deixar de aplicá-lo ou a aplicação indevida pode implicar em uma dosagem errada e, consequentemente, em problemas legais, além de muitas vezes o medicamento não surtir o efeito desejado no paciente.

É importante ter em conta que essa questão é de inteira responsabilidade do farmacêutico, uma vez que muitos médicos desconhecem essa necessidade ou até mesmo exatamente o que é fator de correção e como o procedimento funciona.

Mas o que é Fator de Correção?

Para explicar melhor, vamos comparar com a culinária:

Você precisa preparar um prato que utiliza exatamente 500g de peito de frango desfiado, porém no mercado só tem disponível o frango com osso para compra. Então, obrigatoriamente, você precisa comprar uma quantidade maior que 500g, pois precisa compensar o peso do osso para utilizar a quantidade correta de frango prevista na receita. É mais ou menos isso que ocorre com alguns ativos.

Em quais ativos devem ser aplicados o Fator de Correção?

O Fator de Correção é sempre utilizado para corrigir a diluição de uma substância, o teor de princípio ativo, o teor elementar de um mineral ou a umidade. Essas correções são feitas com base nos certificados de análise das matérias-primas ou nas diluições feitas na própria farmácia.

Assim, com base em informações sobre cada lote, disponibilizadas pelo fornecedor, são calculados fatores de correção para compensar essa diferença.

Como é aplicado o fator de correção?

Vamos pegar como exemplo o betacaroteno 10%.

Quando o prescritor receita o uso de betacaroteno 10mg, ele deseja que o paciente utilize 10mg da substância pura, sendo necessário corrigir esse teor para 100%. Então a conta que fazemos é o seguinte:

FCr = 100% / 10% = 10

Isso significa que é preciso multiplicar a matéria prima por 10 vezes para se chegar à quantidade desejada do principio ativo. Então na prática ficaria assim:

Betacaroteno 10mg x 10 (FCr) = 100mg/cápsulas

Caso a farmácia não aplique corretamente o fator de correção e pese somente 10mg da matéria prima por cápsula, o paciente acaba tomando uma dose muito inferior ao que foi prescrito, ou seja, somente 1 mg de betacaroteno. Conseguiu ver o tamanho da diferença?

A MultiFórmulas atua há mais de 28 anos como farmácia de manipulação e conta com um grande time de farmacêuticos treinados e capacitados para garantir o mais criterioso processo de controle de qualidade, armazenamento, pesagem e manipulação.

Nossa missão é levar Resultado de Verdade até você!

Gostou de saber mais sobre a aplicação do Fator de Correção?

Acompanhe nosso blog e fique sempre por dentro das novidades e dicas de saúde e beleza!

“As informações fornecidas neste site destinam-se ao conhecimento geral e não devem ser um substituto para o profissional médico ou tratamento de condições médicas específicas. Procure sempre o aconselhamento do seu médico, farmacêutico ou outro prestador de cuidados de saúde qualificado com qualquer dúvida que possa ter a respeito de sua condição médica. As informações contidas aqui não se destinam a diagnosticar, tratar, curar ou prevenir qualquer doença. Evite a automedicação.”