Este site tem certas restrições de navegação. Recomendamos o uso de navegadores web como: Edge, Chrome, Safari ou Firefox.

Aproveite para cuidar de você!

Carrinho de Compras

O seu carrinho está vazio

Continuar as Compras

10 cuidados essenciais para quem tem melasma.

Para quem não conhece, melasma são aquelas machinhas escuras que surgem na pele, principalmente na região das maçãs do rosto, na testa e no buço, em decorrência do aumento da produção de melanina nessas áreas, causando uma hiperpigmentação.

Qualquer pessoa está sujeita a desenvolver o melasma, mas as mulheres devem ficar mais atentas ao problema. Estima-se que 90% dos casos ocorrem em mulheres com mais de 30 anos e costuma agravar pelo uso de pílulas anticoncepcionais e durante a gestação.

O melasma, apesar de ser uma doença crônica e não ter cura, não traz graves problemas para a saúde. Em geral, ele acaba afetando principalmente a autoestima, podendo interferir na qualidade de vida dos pacientes. E apesar de não ter cura, um tratamento eficiente e contínuo garante um resultado satisfatório na melhora e redução das manchas.

Se você sofre com o melasma, confira abaixo 10 cuidados essenciais que vão te ajudar no controle das tão temíveis manchinhas.

  • Use protetor solar SEMPRE!

Mesmo em dias nublados ou que não vá sair de casa, o protetor solar é INDISPENSÁVEL. Escolha um produto com alto fator de proteção UVA e UVB e não se esqueça de reaplicar durante o dia.

  • Invista em antioxidantes e fotoprotetores orais.

Esses ativos, considerados nutracêuticos, reforçam as defesas endógenas e ajudam a amenizar os danos da radiação UV sobre a pele.

Alguns exemplos desses ativos são o Polypodium Leucotomos, Picnogenol, Oli-Olá, Bioblanc, Vitamina C e o Resveratrol.

Veja mais em: https://www.multiformulas.com.br/beleza/antioxidantes-e-clareadores.html

  • Evite se expor ao sol.

Procure sempre ficar em locais mais frescos ou com sombra. Caso vá a piscinas ou a praia, além do protetor solar, utilize acessórios que criem uma proteção física, como bonés e chapéus, preferencialmente confeccionados em tecidos com proteção.

  • Evite o contato com vapores quentes.

O calor contribui para a piora das manchas, então tome cuidado com forno ou fogão, saunas, banhos muito quentes e até mesmo com o seu carro que ficou estacionado no sol em dia quente.

  • Refresque-se.

Como já dito anteriormente, só o calor e mormaço já são capazes de piorar os quadros de melasma. Sendo assim, em dias de muito calor, não descuide da sua hidratação e invista em uma água termal, para borrifar no rosto e ajudar a se refrescar.

  • Cuidado com agressões na pele.

Quem tem costume de esfoliar o rosto, deve tomar cuidado. O uso de esfoliantes de forma exagerada pode ser considerado uma agressão a pele, e assim, como ação de defesa, nossa pele pode começar a produzir mais melanina. Cuidado com receitas caseiras e peelings, sempre procure orientação de um profissional.

  • Não descuide da sua pele!

A pele saudável, hidratada e em equilíbrio tem uma função de barreira protetora frente às agressões que podem desencadear o melasma.

  • Respeite o ciclo do seu tratamento.

Os produtos indicados para ajudar clarear o melasma no inverno são diferentes do utilizado no verão, assim como os produtos diurnos são diferentes do noturno. Siga sempre a orientação do profissional e tenha paciência.

  • Não cobice o tratamento alheio.

Entenda que somos seres únicos, e que cada caso é um caso, cada pele é uma pele. O que funcionou para uma pessoa pode não só não funcionar para você, como agravar o seu melasma ou lhe causar algum tipo de sensibilidade. Converse com seu dermatologista e defina o melhor tratamento para você.

  1. Mantenha uma alimentação saudável e nutritiva.

Uma dieta saudável para a pele é aquela que está repleta de nutrientes saudáveis para todo o corpo. Para que as células da pele estejam saudáveis, elas precisam de fonte constante de nutrientes de alta qualidade. Se você mantiver uma dieta pobre em nutrientes, com alimentos inflamatórios, as células da sua pele logo “morrerão de fome” e começarão a parecer opacas, envelhecidas, não vibrantes e as manchas do Melasma vão ficar piores pela inflamação geral do seu corpo.

Gostou de saber dos cuidados para ajudar no controle do melasma?

Acompanhe nosso blog e fique sempre por dentro das novidades e dicas de saúde e beleza!

“As informações fornecidas neste site destinam-se ao conhecimento geral e não devem ser um substituto para o profissional médico ou tratamento de condições médicas específicas. Procure sempre o aconselhamento do seu médico, farmacêutico ou outro prestador de cuidados de saúde qualificado com qualquer dúvida que possa ter a respeito de sua condição médica. As informações contidas aqui não se destinam a diagnosticar, tratar, curar ou prevenir qualquer doença. Evite a automedicação.”